Gansho apresenta a primeira coletiva de colaborações com artistas na sobreloja do Condomínio Conde Silvio Penteado, popularmente conhecido como Copanzinho, por dividir a rua com o célebre vizinho. Mini e uma noite é uma exposição sintoma da nova pinturinha brasileira, reunindo artistas que interceptaram o que há de anedótico nos modelos e protocolos da cultural visual vigente. Estão à fronteira dessa linguagem e no interior dos signos. No espaço expositivo, uma seção do edifício em escala 1:10 materializa-se como maquete que transborda na rua e nos transporta para o outro bloco do prédio.A maquete é também uma tentativa de preencher o Bar do MAM que se instalou lá em 1978. Originalmente uma iniciativa informal da Associação dos Amigos do Museu de Arte Moderna para promover um pólo de produção cultural no centro, está à deriva desde 2001, sob tutela da Secretaria de Cultura.

curadoria e texto: Claudio Savaget 

produção: Renata Teles,

expografia: Bruna Canepa e Vanessa Mendes

maquete: Gui Tanaka

impresso: Meli-Melo 

participação especial: Inhame Inhame.

fotos: Pedro Pinho e Ana Pigosso

Alô? Betty?
  • Facebook
  • Instagram

© 2020 GANSHO _ CNPJ: 29.935.872/0001-23